sexta-feira, 3 de março de 2017

A VIDA É SÓ AGORA

A vida é somente nesta hora,
Não há antes e nem depois, 
Os minutos dela vão embora
Um a um, nunca vão dois!

A viagem demora mesmo assim, 
Perdida vou, procuro uma miragem,
Uma pausa, uma flor uma imagem, 
E nada encontro que se abra em mim!

Prisioneira assim, e sem coragem,
De quebrar as algemas e ir embora,
Tudo o que em mim ria agora chora,
Seja; já não me seduz outra viagem!

Só tristeza silêncio e melancolia,
Sem uma flor a abrir na minha mão,
Procuro e não te encontro ó alegria,
É passarinho  a morrer, meu coração!

Paz e Bem, Grata pela visita!
Sejam Felizes.


 
 


2 comentários:

Toninho disse...

Parece estranho dizer muito linda dado ao peso da melancolia
que ronda a poesia numa belíssima construção/inspiração.
Sofre muito o coração que ama e se vê sem este amor.
Belo trabalho da poesia querida Josélia.
Um bom domingo de para uma semana abençoada.
Bjs amiga.

Roselia Bezerra disse...

Boa tarde, minha queridíssima amiga do coração!
Tudo chora porque lhe falta o mais preciso mas a vida lhe retornará, no paraíso, o que aqui perdeu-se...
Bjm muito fraterno

Enviar um comentário

Muito obrigado a todos os amigos...que aqui vão deixando as suas belas palavras, com tanto amor e carinho!