terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

AS NUVENS


Eu vejo as nuvens correndo,
Por uma estrada sem fim,
Em formas que não entendo,
São lindas cor de marfim!

É mágica a sua candura

Brancas como o algodão, 
Encanta a sua formosura, 
Queria pegá-las com a mão!

Correm velozes no azul do céu,

Meus olhos as vão seguindo,
Transformam-se num lindo véu...
E para mim vão sorrindo!

Elas choram quando descem,

Para me afagar com certeza,
Deitam as lágrimas que têm.
Para lavar minha tristeza!

É Deus que a nós oferece,

Tanta cor tanta beleza ...
Seria tão bom se eu pudesse,
Mandar embora a tristeza!

Paz e Bem em Cristo Jesus


Josélia

3 comentários:

Élys disse...

Lindo poema!.Apesar do choro das nuvens, o Sol acima delas está sempre a lhes afagar.
Beijos,

Gracita disse...

Que lindo seu poema minha querida amiga
O choro das nuvens é redenção e bem acima delas o astro sol a nos aquecer e iluminar. Eu ameiiiiiiiiiiiiii!!!!!!!!!!!!!
Uma noite linda com belos sonhos e muitas bênçãos do nosso Pai
Um abraço apertado e muitos beijinhos minha amada amiga Josélia

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida amiga Josélia
Deus ampara nossas lágrimas e nos auxilia em tudo...
Nuvens choram pra lavar as nossas lágrimas... aí, a tristeza se vai...
Lindo poema!
Bjm fraerno

Enviar um comentário

Muito obrigado a todos os amigos...que aqui vão deixando as suas belas palavras, com tanto amor e carinho!