27/04/14

SAUDADES DE CRIANÇA


Eu sinto muita saudade
De tudo o que tive um dia
De viver em liberdade
Sempre com muita alegria!

Não há como ser criança

Onde tudo é cor de rosa
Até uma flor meio seca
Para nós é tão formosa!

Os dias são tão bonitos

Os pássaros passam cantando
Vivemos no paraíso
Vamos sempre saltitando!

Mas o tempo vai passando

Vai a meninice embora
Quando se chega a adulto
De saudades a alma chora!

Paz e Bem


Josélia Micael

Sem comentários:

Publicação em destaque

SUSSURRO AO TEU OUVIDO

Sobre o teu ombro Sussurro Ao teu ouvido Palavras Expressões Declarações Em procura Incessante por encontrar Forma ...